Como diminuir o pênis com agrotóxico produzido no Brasil

Muitas pessoas estão em busca de métodos para aumentar o pênis e evitar a ejaculação precoce, más hoje vamos falar em como diminui-lo.

Em 2019 estamos “comemorando” o aniversário do uso do composto industrial tóxico PFOS (sulfonato de perfluorooctano).

Ele passou a ser amplamente restringido pelos 182 países que fazem parte da Convenção de Estocolmo, um tratado internacional que trata de Poluentes Orgânicos Persistentes.

A pílula que CUROU, MEU MARIDO, e como nossa vida sexual passou a ser uma Maravilha!

Mesmo assim, o Brasil é um grande produtor mundial de sulfluramida, pesticida que resulta na formação de PFOS.

Como diminuir o pênis com agrotóxico produzido no Brasil

Estudos recentes ligam essa substância à diminuição do tamanho da piroca e a queda da fertilidade masculina.

 A sulfluramida, que no Brasil é produzida em larga escala, é um agrotóxico usado como inseticida para controle de formigas que, quando degradado, se transforma em PFOS.

O PFOS faz parte da classe dos compostos perfluorados (PFC). Desde os anos 1950, os PFCs passaram a ser amplamente utilizados em revestimentos antiaderentes de panelas, produtos impermeabilizantes e espuma de combate a incêndios.

Dicas de sexologia na prática mostra qual é a forma mais rápida e segura de acabar com a disfunção masculina!

Como diminuir o pênis com agrotóxico produzido no Brasil

Conforme informador por pesquisadores da Universidade de Pádua, na Itália, jovens foram expostos aos PFCs possuem pênis menores e mais finos do que a média.

Então, isso demonstra que o PFOS e outros componentes dos PFCs se ligam ao receptor de testosterona e bloqueiam sua ativação.

Além de afetar o tamanho dos órgãos genitais do homens, essas substâncias também comprometem a fertilidade. Mais 1 efeito colateral é o aumento da presença de hormônios femininos em homens.

O Brasil é o único país sob a tutela da Convenção de Estocolmo que tem permissão para produzir a sulfluramida.

Como diminuir o pênis com agrotóxico produzido no Brasil

Com a proibição em outros países, a fabricação nacional da substância cresceu.

De 2004 e 2015, a produção foi de até 487 toneladas de PFOS liberados no meio ambiente.

Ademais, por uma brecha no tratado, o país também consegue exportar o agrotóxico para vários países.

Ativistas ambientais pressionam delegados da Convenção para mudar essa situação.

Mas, se você quer aumentar a sua benga e acabar com a ejaculação precoce conheça a X-Animal. Clique AQUI

Gostou? Compartilhe!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.